Receitas de coquetéis, bebidas alcoólicas e bares locais

4 Coquetéis de Cachaça para experimentar agora

4 Coquetéis de Cachaça para experimentar agora

A maioria dos bebedores americanos não conhece a cachaça, o espírito nacional imensamente popular do Brasil, mas isso pode estar prestes a mudar, pois várias marcas estão agora disponíveis nos EUA e estão pressionando por um maior reconhecimento de nome. A cachaça é semelhante ao rum, mas é destilada a partir de 100% de suco de cana de açúcar, em oposição ao melaço. É doce, embora não exageradamente, com um sabor levemente terroso que contém notas de grama e frutas que brilham em todas as suas formas. Eles variam de versões claras e não envelhecidas a expressões mais escuras, envelhecidas em vários tipos de barris, de um a sete anos, assumindo um sabor mais profundo e complexo.

"A cachaça é para o Brasil o que a tequila é para o México", diz Steve Luttmann, fundador do Leblon. Mas ele acha que os brasileiros têm tomado o espírito como garantido recentemente. “Nos últimos 20 anos, a cachaça perdeu muito terreno para os espíritos ocidentais importados, principalmente a vodka, que invadiu o coquetel nacional, a Caipirinha, com a Caipiroska.”

Para combater isso, houve uma explosão de destiladores de cachaça de pequenos lotes em todo o Brasil, que cresce a uma taxa de 15% ao ano, de acordo com Luttmann. Dragos Axinte, fundador e CEO da Novo Fogo, descreveu o orgulho que seu país tem em seu espírito indígena. "O Brasil abraçou tanto a cachaça que o resto do mundo está percebendo", diz ele. "A cachaça, embora ainda não seja tão popular nos EUA quanto tem potencial para ser, é um dos espíritos mais consumidos no mundo."

O verão que se aproxima deve proporcionar às pessoas amplas oportunidades para explorar as muitas maneiras pelas quais o espírito pode ser apreciado, desde tomar um gole e fazer a Caipirinha clássica até substituí-la por uma variedade de outras bebidas espirituosas para um toque tropical em qualquer coquetel.

1. Caipirinha

Faça uma caipirinha com prata Novo Fogo. Essa cachaça clara é, como todas as expressões do Novo Fogo, feita a partir de cana-de-açúcar orgânica cultivada nas montanhas do sul do Brasil. Depois de destilado em panelas de cobre, é envelhecido por um ano em aço inoxidável, mantendo-se claro, mas seus sabores têm tempo suficiente para serem confundidos.

2. Coco Batida

Faça um toque de coco na Batida, um Coco Batida, com o Leblon. Essa cachaça branca é feita em alambiques de cobre de Alambique, no estado de Minas Gerais, no Brasil e, na verdade, é levemente loira, pois está envelhecida há seis meses em barris de conhaque francês XO usados. Isso é brilhante, floral e extremamente frutado, removendo as equações da equação.

3. Buck brasileiro

Faça esta versão em cachaça de um Moscow Mule, o Brazilian Buck, com o Novo Fogo Chameleon. Essa expressão, envelhecida em barris de bourbon usados ​​por um ano, é onde as coisas começam a ficar realmente interessantes. O envelhecimento do barril confere a essa cachaça toques sutis de baunilha e carvalho, que acentuam em vez de mascarar o caráter cítrico do espírito.

4. Bossa Manhattan

Faça uma Bossa Manhattan com o Leblon Reserva Especial. Esta é a principal cachaça da família Leblon, envelhecida por até dois anos em barricas novas de carvalho francês Limousin, conhecidas por seu sabor a baunilha, antes de serem misturadas e engarrafadas. O espírito é escuro e doce, com notas arrojadas de caramelo e acabamento em chocolate. Isso poderia substituir o bourbon em qualquer coquetel.

Assista o vídeo: Bons drinks com cachaça! (Outubro 2020).