Nossa Ode às Batatas Fritas

Junte-se a nós nesta celebração do amido e laticínios

Oh queijo frito, como eu te amo? Deixe-me contar os caminhos...

Sério, quem não fica animado quando ouve as palavras “batata frita com queijo? ” Eles combinam duas das delícias culinárias mais deliciosas do mundo e formam um prato mágico só para eles.

De ooey-gooey a batatas fritas com queijo totalmente sufocado, podemos preparar qualquer um destes acompanhamentos deliciosos. Então, em homenagem à beleza e perfeição da fritada com queijo, escrevemos uma ode amadora para expressar nossa gratidão infinita por esta comida deliciosa. Desfrute da nossa cantiga (e das fotos):

Oh, Cheese Fry, nós amamos você em sua forma mais simples ...

(Imgur)

Mas quando o vemos como um waffle fry, como poderíamos nos sentir desamparados?

Quando você está coberto de queijo Colby-Jack,

(Imgur)

Ou acentuado com uma porção de creme de leite,

(Imgur)

Você fica tão gostoso com chili também que dá vontade de gritar!

(Imgur)

Nós te amamos quando você está bem,

(Imgur)

Amamos voce quando voce esta bagunceiro,

(Imgur)

Uma coisa é certa ...

(Imgur)

Você sempre será nosso melhor amigo!

(Imgur)


Uma Ode às Batatas

Ah, a batata. Embora o mês dos Amantes da Batata Nacional possa ter acabado, nosso amor por este vegetal fantástico nunca cessará. Como um dos vegetais mais versáteis, existem inúmeras maneiras de prepará-lo para atender aos seus gostos e refeições. Quer o seu favorito seja purê de batata, batata frita ou gratinado, você veio ao lugar certo. Compilamos nossa lista das 7 melhores maneiras de preparar a maravilhosa batata. Os amantes da batata, alegrem-se!


Ode para cheesecake

Cheesecake, oh cheesecake,
Você faz minha boca sorrir com cada mordida que dou.
Só de pensar em você, estou praticamente sentado em um lago (de babar ...)
Uma grande fatia do estilo nova-iorquino logo que acordo,
Ou chocolate divino cremoso e doce que vai fazer meus joelhos tremerem.
Prepare um Cheesecake ultrafácil, para que você possa se preparar mesmo durante um terremoto.
É hora de ir para a cozinha, tenho algumas coisas cremosas para assar.
Este poema finalmente acabou, isso foi quase mais do que eu poderia suportar -
Minha rima de estilo livre impulsivo, minha ode ao amado cheesecake.

Se este blog estivesse sendo escrito por mim para todos os meus colegas de trabalho, eu poderia deixar tudo em branco. Todos eles conhecem meu amor profundo e duradouro por todas as coisas de cheesecake. Mas, em vez disso, dei a você todo aquele poema ridículo. Veio direto do coração. De nada!

Existem tantas razões pelas quais o cheesecake balança meu mundo, e provavelmente há mais que todos vocês poderiam nomear e que eu não pensei. Vou te dar meus cinco primeiros, e deixar você continuar a partir daí.

1. Tornou esta cidade famosa.

Talvez não seja totalmente verdade. Na verdade, isso é principalmente um exagero.

Mas certamente está no topo da lista de coisas para comer sempre que vou. Espesso, cremoso e incrivelmente rico, cheesecake de Nova Iorque é uma daquelas sobremesas que se enquadra na categoria “os meus olhos são maiores do que a minha barriga”. Recuso-me a compartilhar, mas no meio da enorme fatia servida no meu prato, sempre fico sem fôlego.

Uma vantagem de caseiro? Você pode cortar o tamanho que quiser (mas acredite em mim, comece pequeno!) Nossa receita deliciosa inclui um pouco de casca de limão para adicionar uma nota brilhante e equilibrar o sabor de queijo.

2. Você pode combiná-lo com outro clássico para uma sobremesa que vale a pena impressionar.

Com uma camada inferior de recheio de cheesecake, a primeira fatia desta aparentemente tradicional torta de abóbora se transforma em um evento. Ninguém espera a doce surpresa lá dentro, mas eles certamente estão felizes que ela esteja lá. Torta de Cheesecake de Abóbora, todos. Agrada todos os sentidos.

3. Tudo fica melhor quando você adiciona chocolate?

Divino porque é. Veludo porque cada garfada é suave, macia, macia. Cheesecake de veludo de chocolate divino, como sua sobremesa de vestidinho preto. Classifica qualquer ocasião. Tem um gosto incrível demais!

4. Vista-o como quiser

Você pode vesti-lo de forma simples. Você pode vesti-lo extravagante. Você não precisa se vestir bem (arriscado!)

Às vezes, uma sobremesa tão boa merece ser vestida com esmero. Revestido a ouro (esmalte caramelo) com chinelos incrustados de joias (deliciosas nozes na crosta). Fantasia, fantasia. Cheesecake de caramelo e noz-pecã é uma maneira não tão sutil de aumentar o clássico. Você quase tem que dizer isso de maneira esnobe, com o dedo mindinho para cima: Cahr-mel Peh-cahn. Delicioso.

5. Os cheesecakes são relativamente simples de fazer.

Esse Cheesecake Fácil é mais simples do que simples. E faz uma quantidade menor do que todas as receitas listadas acima, na chance remota de você estar esperando ser um pouco mais gentil com sua cintura, enquanto ainda satisfaz seu dente de queijo.

Você não precisa dizer à sua família e amigos que esta sobremesa era tão fácil. O que eles não sabem apenas faz você parecer ainda melhor. Acho que todo esse elogio pode pedir mais uma fatia!

Depois de assar, devorar e saborear esses cheesecakes, reserve um momento para avaliá-los e comentá-los. Não seja tímido, grite seu amor por este deleite clássico em toda a seção de receitas.

E, como sempre, compartilhe uma ou duas fatias com seus entes queridos. Existem muitas outras receitas para esta sobremesa cremosa em nosso site de pesquisa "cheesecake" em nossa página de receitas. Você não ficará desapontado!


1. No fogão, misture e aqueça em uma frigideira a carne de porco, a vaca, as ervilhas, as cenouras e as cebolas.

2. Em fogo baixo, adicione uma concha de seu molho preferido para aquecê-lo. Reserve outra concha para o revestimento. Cozinhe a mistura por cerca de 3 a 5 minutos.

1. Em uma frigideira pequena, aqueça o óleo de canola a 375ºF e adicione as batatas picadas. Frite as batatas por 3 minutos para que fiquem mais crocantes.

2. Retire as batatas fritas do óleo e polvilhe-as com sal de alho.

Cobertura e chapeamento

1. Coloque as batatas fritas primeiro no prato. Em seguida, adicione a coalhada de queijo. A concha reservada da mistura de molho é então adicionada às batatas fritas e à coalhada de queijo com a mistura The Works por cima.


Ode às batatas fritas

Blake Lingle, cofundador e co-proprietário do restaurante Boise Fry Company de Idaho, escreveu uma ode às batatas fritas intitulada “Fries! Um guia ilustrado da comida favorita do mundo. ” (Foto: Princeton Architectural Press via AP)

NOVA YORK - Fritas ou assadas, polvilhadas com óleo de trufas ou aromatizadas com ervas esfareladas, as batatas fritas são um prato duradouro, elaborado ou servido da maneira simples em todo o mundo.

Mas o que REALMENTE sabemos sobre a história da batata fatiada humilde, ou em um sentido mais amplo, o inhame fatiado, quiabo ou qualquer vegetal que pode ser, bem, fatiado e frito, refogado ou assado, coberto ou empanado. Abundam blogs, livros e receitas. Adicione ao álbum um novo livro kitsch, “Fries! Um guia ilustrado da comida favorita do mundo ”, por um restaurador do coração da região da batata, Boise, Idaho.

Blake Lingle, co-fundador e co-proprietário da Boise Fry Company, com quatro locais lá e um em Portland, Oregon, se diverte um pouco com seu guia rápido, escrito não para o foodie hardcore ou historiador da culinária, mas o resto do nós - apenas velhos amantes de batata normais.

Lingle deixa claro que ele não é um estudioso de comida. Para resumir a história das batatas fritas, ele ampliou sua definição para além das fatias de batata, para incluir inhame, batata-doce e outros vegetais preparados de diferentes maneiras. Aí reside uma conjectura interessante.

Por exemplo, uma das referências anteriores à fritura é o Levítico da Bíblia, 2: 7 para ser exato: "Se a sua oferta de grãos for cozida em uma panela, deve ser feita da melhor farinha e um pouco de azeite." É possível que um vegetal tenha entrado na frigideira, pergunta-se Lingle. O livro de Números faz referência a pepinos e alho-poró, entre outras coisas, em 11: 5.

Alguns historiadores afirmam que os egípcios fritavam alimentos já em 2500 aC. Lingle aposta que os vegetais estavam entre eles.

Mas os romanos escreveram coisas, incluindo o que é considerado o livro de receitas mais antigo do mundo, o Apício, provavelmente compilado entre o final do século IV e o início do século V DC. Inclui uma receita de frango frito com vegetais fritos. Lingle não encontrou evidências, no entanto, de que os vegetais foram fatiados.

Mais especificamente, e em outras partes do mundo, é provável que batatas fatiadas tenham sido incluídas em um prato andino chamado Pachamanca durante o Império Inca. Nesse caso, os alevinos andinos são anteriores aos europeus em algumas centenas de anos. Os espanhóis roubaram a batata, e possivelmente a batata-doce, dos incas e a trouxeram para a Europa, disse Lingle.

Mas foi um jornalista belga, Jo Gerard, que afirmou que batatas fatiadas estavam sendo fritas ao lado de peixe em seu país no final dos anos 1600, antes da mesma afirmação dos franceses em três quartos a um século, disse Lingle.

Os belgas culpam os americanos por darem erroneamente o nome às batatas fritas quando confundiram soldados belgas de língua francesa na posse de algum tipo de esculente frito com soldados franceses de língua francesa durante a Primeira Guerra Mundial.

Apesar disso, a Bélgica parece consumir mais batatas fritas per capita do que qualquer outro país, disse Lingle.

“Parece haver uma certa quantidade de informações conflitantes por aí”, acrescentou ele em uma entrevista recente. “Não sei qual é a verdadeira resposta.”

Batatas fritas permanecem por todo o mapa, como um lado padrão nas Américas e na Europa, e muitas vezes consideradas entre os pratos nacionais da Grã-Bretanha e da Bélgica quando servidas com peixe e mexilhões, respectivamente, disse Lingle.

Então, onde é cultivada a maioria das batatas?

Cinquenta anos atrás, a China era o quinto maior produtor mundial, atrás da URSS, Alemanha, Polônia e Estados Unidos. Hoje, a China é o maior produtor, escreve Lingle. Mas, em termos per capita, quando se trata do consumo de batata e batata frita, os americanos comem duas vezes mais batatas do que os chineses.

Quase nenhuma pesquisa existe sobre o consumo de alevins por país, além do mercado de alevinos congelados, escreve Lingle. A maioria das batatas fritas são inicialmente cozidas em fábricas e cozidas novamente em casas, restaurantes e “fritadeiras”.

Uma coisa é certa: os chefs estão se divertindo muito, disse Lingle. Muitos estão cortando à mão, inventando revestimentos e banhos exclusivos e experimentando técnicas frequentemente reservadas para outros alimentos, como desidratação e sous vide, o método de selar os alimentos em sacos plásticos e depois colocá-los em banhos de água ou vapor.

E então há a questão do hash brown. São batatas fritas?

“Sim, acho que hash browns são batatas fritas”, Lingle riu. “Se foi fatiado e depois cozido de alguma forma, é, na minha opinião, uma batata frita.”

Copyright 2016 The Associated Press. Todos os direitos reservados. Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído.


Sara & # 8217s Refeições à noite durante a semana: Temporada 3

O hambúrguer é tão totalmente americano e bem-amado que, em comparação, até o beisebol e o rock'n'roll são cultos estranhos e obscuros. Comemos durante todo o ano, a qualquer hora do dia ou da noite, simples ou extravagante. Lembra do Wimpy? Bem no fundo de nossa alma, quase todos nós compartilhamos o desenho animado da fome monomaníaca de todo homem, que o levou a propor exatamente o mesmo negócio a seu amigo Popeye repetidamente: “Com prazer pagarei a você na terça-feira por um hambúrguer hoje. ”

Eu amo hambúrgueres também, mas sou pelo menos um pouco exigente. Eu preciso saber o que entrou no meu hambúrguer. E a melhor maneira de ter certeza do pedigree do seu hambúrguer é moer a carne você mesmo. Isso é mais fácil do que você pode imaginar. Tudo que você precisa é um moedor de carne independente ou um acessório para sua batedeira. (Kitchen Aid faz um muito bom). Você também pode pedir uma mistura confiável de carne moída online - veja as fontes abaixo - ou encontrar um bom açougueiro, como fizemos na Filadélfia, no Esposito's. (Por falar nisso, você não acha que Jordan é o cara do jovem Bill Murray?)

Portanto, este show é uma ode aos hambúrgueres ... com um pequeno aceno de cabeça ao seu eterno companheiro, as batatas fritas. Toda noite é uma boa noite para um hambúrguer.

Onde é que o show ar em seu pescoço do bosque?
Clique aqui para descobrir!


Cheez Whizz caseiro

Você adora Cheez Whizz caseiro e quer ainda mais receitas de guloseimas caseiras? Pegue uma cópia do meu livro de receitas Lanches clássicos feitos do zero: 70 versões caseiras de suas guloseimas favoritas de marca na Amazon, Barnes & amp Noble ou em sua livraria independente local!

Como venho do lado oeste da Pensilvânia e não do leste, minha familiaridade icônica com o sanduíche sempre se concentrou em presunto picado ou kolbassi em vez de bifes de queijo.

E, seja para o bem ou para o mal (não estou tentando começar outra guerra cultural da AP), não colocamos Cheez Whiz em nossos produtos de porco lá no & ldquoBurgh.

Na verdade, além de um flerte da época da faculdade com a marca Tostitos & ldquoqueso & rdquo em uma jarra, fiquei longe de pastas de queijo gelatinosas de todos os tipos.

Foto: Casey Barber

Em vez disso, preferi derreter cheddar picado sobre meus nachos ou jogar alguns pedaços de Velveeta em meu molho de macarrão com queijo, se necessário.

Eu não tenho certeza se alguma vez provei o verdadeiro Cheez Whizz em minha jovem vida, para ser completamente franco.

Mas quando recebi um pedido de um leitor de uma receita caseira de Cheez Whiz depois de postar minha ode nostálgica aos nachos de frango, como poderia dizer não?

Além disso, eu tinha um ás na manga na forma de Grant Achatz.

Sim, aquele Grant Achatz, extraordinário chef moderno, aquele cujas receitas me encorajaram a comprar coisas como enormes potes de lecitina de soja para pipoca de caramelo em forma de espuma e para desidratar bacon em meu forno por horas a fio.

Foto: Casey Barber

A receita a seguir foi originalmente inspirada no recheio de queijo Alinea & rsquos Cheese, no prato Cracker, mas & hellip & rsquos muito, muito mais fácil.

Fazer Cheez Whizz caseiro não requer técnicas excessivamente complicadas, ingredientes esotéricos ou conhecimento de nível profissional.

Eu sou a prova viva de que você pode fazer isso com sucesso em uma velha cozinha normal. (Com um fogão que mal funciona, até.)

Na verdade, é tão fácil que, embora eu trabalhe arduamente para fazer os pretzels macios para nossas noites de TV, meu marido, que não é cozinheiro, assume a liderança na preparação do Cheez Whizz e não se preocupa nem um pouco.

Foto: Casey Barber

A receita foi refinada e ajustada repetidas vezes ao longo dos anos, e este é o ponto em que estou realmente feliz com isso.

Se você já quebrou um chip em uma jarra de gelatina queso, esta versão suave e aveludada será uma revelação.

Sem enchimentos, sem ligantes, apenas laticínios cremosos e especiarias.

Assista ao vídeo e obtenha a receita abaixo para fazer seu próprio Cheez Whiz caseiro para uma gratificação (quase) instantânea.


Opinião dos consumidores

Principais críticas dos Estados Unidos

Ocorreu um problema ao filtrar as avaliações no momento. Por favor, tente novamente mais tarde.

Este livro é uma leitura totalmente agradável! O estilo literário de Lingle combina o jornalismo alimentício de Michael Pollan, com a química e a nerdice histórica de Alton Brown, com o humor alegre de Dave Barry. Embora seja uma ode autoproclamada & # 34 caprichosa aos alevinos & # 34, na verdade me peguei aprendendo um pouco entre risos e risos. Como qualquer grande professor, a paixão de Lingle por sua matéria é palpável, mas ele tem um talento para apresentar seu material de uma forma acessível e criativa. Meu favorito pessoal era o fluxograma de como cozinhar uma fritada. Mas o que também é impressionante é a quantidade de pesquisas que claramente foram feitas neste pequeno livro. Existem apenas 5 capítulos, mas eles têm uma média de 15-20 citações cada. Isso é mais por capítulo do que a tese de faculdade da maioria das pessoas. E sua exploração do assunto o leva por todo o mundo, explorando como cada cultura abordou a fritura das batatas. Eu nunca soube que havia tanta diversidade em como alguém poderia criar uma fritada. Estou inspirado agora a tentar fazer mais por conta própria em casa e usarei este livro como um guia.

Um grande presente para qualquer foodie ou aficionado por batatas fritas que esteja interessado em reexplorar o que eles pensavam que sabiam sobre um favorito universal.


Uma Ode de Cheeseaholics ao Poutine

Portanto, é verdade que nunca percebi que tantas pessoas nunca foram apresentadas à maravilhosa invenção que é POUTINA.

Tradicionalmente, o poutine é feito com batatas fritas, coalhada de queijo e molho de carne. É o paraíso em um garfo. Existem substituições mais baratas que usam mussarela desfiada no lugar da coalhada fresca e para mim ainda é uma delícia, prefiro do que travar, mas os tradicionalistas me rejeitariam se ouvissem isso.

Poutine tem um papel muito importante na minha adolescência. Um dia, no meu último ano do ensino médio, eu estava pedindo minhas tradicionais (quase diárias) batatas fritas e molho na lanchonete e acho que a senhora me ouviu mal ou fez beicinho no cérebro (que honestamente não faria, como eu disse que é o paraíso) e acidentalmente adicionei queijo antes do molho.

Tentei chamar a atenção dela para impedi-la ou consertá-lo, mas estava sendo movido para a frente na fila e não podia fazer nada a respeito. Eu não pedi esse pedaço de delícia, caramba, eu tenho PKU! Eu nem sabia que este ERA o paraíso. Minha avaliação honesta da situação foi & # 8220heck, ele & # 8217 não é carne, não pode & # 8217 ter TANTA proteína nele & # 8230. direito. & # 8221

Então eu disse a mim mesmo, um dia não vai me matar & # 8230. Vou voltar ao velho confiável (também conhecido como batatas fritas e molho) amanhã. Então, fui sentar e comer & # 8230. e mordeu o CÉU. (Eu sou um escritor e tenho plena consciência de que essa quantidade de repetição não é necessária e até mesmo ridícula, mas estou desesperado para enfatizar um ponto aqui)

O poutine exerceu sua magia sempre amorosa em mim e fiquei apaixonado. Tão apaixonado que comi poutine TODOS OS DIAS na escola por UM MÊS INTEIRO! Então eu entrei e tirei meu nível de PHE e ele voltou a cerca de 1400umol / L e minha mãe me disse que seu nível está muito alto, o que você tem feito? E eu não digo NADA. Tudo o que faço é comer poutine no almoço todos os dias & # 8230.

Eu tive problemas. Mas para ser justo, eu não sabia quanta proteína havia nas batatas fritas, no molho ou no queijo. Minha mãe e eu não fazíamos minha dieta juntas, e eu nunca contei minha ingestão durante esse tempo, então eu realmente não sabia.

Infelizmente, embora eu soubesse melhor (não pelos livros quanto queijo realmente valia em phe), apenas que era proibido, como eu disse, estava apaixonado e desde então passei os últimos 15 ou mais anos da minha vida traindo minha dieta escondendo poutines sempre que podia. Eu considero isso seriamente um acréscimo.

Eu sou um cheeseaholic. Acho que sempre serei um cheeseaholic e acho que sempre serei um, daqui a 10 anos (a menos que a PKU esteja curada), espero ser um cheeseaholic em recuperação, que posso dizer & # 8220; já se passaram 10 anos desde meu último poutine, em minha honra & # 8230 & # 8221

Acho que posso não estar tendo tantos problemas com isso são algumas das opções de queijo que vejo os americanos falando que estavam disponíveis para mim. Se eu tivesse um queijo ralado MELTAVEL decente e pudesse fazer um poutine sempre que eu quisesse, eu faria isso TOTALMENTE. Mas o queijo quente e não derretível Cambrooke simplesmente não me dá a experiência completa de poutine e me deixa com desejo & # 8230

Se eu pudesse voltar e reviver aquele dia novamente, sabendo o que ele fez comigo agora. Eu teria dito: & # 8220 você pode fazer outro? Eu sou alérgico a queijo & # 8230 & # 8221 o que está feito está feito e tudo o que posso fazer agora é alertar os PKUers para ficarem longe de um alimento que você não pode aplicar consistentemente em sua dieta. Se você se apaixonar por ela, você simplesmente continua voltando e voltando, mesmo que te machuque.

Tudo isso para dizer se VOCÊ não tem PKU ou tem uma ótima opção de queijo derretível que & # 8217s menos proteína & # 8230. você deve TOTALMENTE fazer isso para o jantar hoje à noite!

Para aqueles que gostariam de participar do meu programa de tratamento para cheeseaholic, clique AQUI


Quinta-feira, 3 de outubro de 2013

Ode às batatas fritas

Eu me apaixonei por Pablo Neruda em 2009 quando meu marido me deu "Vinte poemas de amor e uma canção de desespero. "Eu nunca tinha ouvido falar de Neruda antes (desculpem, amantes da poesia, eu sei que Neruda é um daqueles poetas super amados, amado pelos leitores de poesia e pelos estudantes de pós-graduação da faculdade de artes liberais modernas ..). Eu mantive este livro por minha cabeceira e leria os poemas, alguns repetidamente, quase todas as noites.Quatro anos depois, ainda aprecio essas pessoas e às vezes com a intenção de abrir o livro, vou olhar para a capa e realmente considerá-la satisfatória.
Na primavera passada, eu tive o privilégio de ser apresentado a Neruda's "Todas as Odes"na minha aula de redação criativa. Um poema que me impressionou e pegou, é" Ode às batatas fritas ", que me fez pensar em como é incrível ter a capacidade de fazer batatas fritas parecerem assim (não consigo encontrar a palavra perfeita) ! Eu comi algumas batatas fritas celestiais, mas Neruda é melhor do que qualquer outra que eu já comi.


Ode às Batatas Fritas, de Pablo Neruda
Traduzido por Ken Krabbenhoft

Que chia
em ebulição
óleo
é o mundo
prazer:
francês
fritas
ir
na panela
como o cisne da manhã
Nevado
penas
e emergir
meio dourado da azeitona
âmbar crepitante.

Alho
empresta-os
seu aroma terroso,
seu tempero,
seu pólen que enfrentou os recifes.
Então,
vestido
um novo
em ternos de marfim, eles enchem nossos pratos
com abundância repetida,
e a deliciosa simplicidade do solo.


Assista o vídeo: Receita de Como Fazer Batata Frita Crocante e Sequinha! Confira o segredo! (Janeiro 2022).